PÁGINA INICIAL

BRASILEIRÃO - SÉRIE B
1992

 
A TABELA DO
CAMPEONATO

.

.

.
NÚMEROS DO
TORNEIO
32
PARTICIPANTES
278
JOGOS
583
GOLS
2,10
MÉDIA DE GOLS
POR PARTIDA
.
.
.
MAIOR
GOLEADA
08.04.1992
Grêmio Operário-MT
7 1
Olímpico
(Porto Alegre/RS)
.
.
.
OS MELHORES

ATAQUE

REMO
40 GOLS

DEFESA

BANGU
JUVENTUS
9 GOLS
.
.
.
OS PIORES

ATAQUE

JOINVILLE
6 GOLS

DEFESA

OPERÁRIO-MT
38 GOLS
.
.
.
PARTICIPANTES
POR ESTADO

SP PR RJ CE
6

3

3

2

PE SC AL BA
2

2

1

1

DF ES GO MT
1

1

1

1

MS MG PA PB

1

1

1

1

PI RN RS SE
1

1

1

1
.
.
.




 

 

 

 

 

 

 

 


 

.
.
1991
BRASILEIRÃO - SÉRIE B
.
 
O CAMPEÃO
.

PARANÁ
Paraná Clube
Fundação: 19 de dezembro de 1989
Avenida Presidente Kennedy, 2.377 - Curitiba (PR)
Estádio: Durival de Brito (15.000 lugares)
Site: www.paranaclube.com.br  -  Mascote: Gralha Azul
.
 

COLOCAÇÃO FINAL

C PARTICIPANTES PG J V E D GP GC SG

    Paraná (PR)

41 30 13 15 2 32 19 13

    Vitória (BA)

37 30 14 9 7 37 19 18

    Criciúma (SC)

33 28 13 7 8 32 20 12

    Santa Cruz (PE)

30 28 10 10 8 31 23  8

    Remo (PA)

30 26 12 6 8 40 25 15

    América (MG)

29 26 9 11 6 22 17  5

    Fortaleza (CE)

28 26 11 6 9 30 26  4

    União São João (SP)

26 26 8 10 8 21 18  3

    Grêmio (RS)

22 20 8 6 6 29 20  9
10º

    Ceará (CE)

21 20 5 11 4 15 16 -1
11º

    Desportiva (ES)

19 20 7 5 8 20 26 -6
12º

    Coritiba (PR)

19 20 6 7 7 15 19 -4
13º

    São José (SP)

16 14 6 4 4 22 13  9
14º

    Ponte Preta (SP)

16 14 5 6 3 15 13  2
15º

    Anapolina (GO)

15 14 6 3 5 15 16 -1
16º

    Campinense (PB)

15 14 5 5 4 12 14 -2
17º

    Picos (PI)

15 14 4 7 3 10 13 -3
18º

    Juventus (SP)

14 14 5 4 5 11 9  2
19º

    Botafogo (SP)

14 14 5 4 5 10 10  0
20º

    CSA (AL)

13 14 6 1 7 16 14  2
21º

    Londrina (PR)

13 14 5 3 6 15 16 -1
22º

    Confiança (SE)

13 14 5 3 6 12 17 -5
23º

    Noroeste (SP)

13 14 5 3 6 13 20 -7
24º

    Bangu (RJ)

13 14 4 5 5 9 9  0
25º

    Itaperuna (RJ)

13 14 4 5 5 18 23 -5
26º

    Americano (RJ)

12 14 4 4 6 15 17 -2
27º

    Joinville (SC)

12 14 4 4 6 6 11 -5
28º

    ABC (RN)

10 14 3 4 7 10 16 -6
29º

    Operário (MS)

10 14 2 6 6 13 19 -6
30º

    Central (PE)

8 14 3 2 9 12 19 -7
31º

    Taguatinga (DF)

6 14 1 4 9 14 28 -14
32º

    Operário (MT)

4 14 1 2 11 11 38 -27
. . . . . . . . . .

CLUBES PROMOVIDOS PARA A SÉRIE A
AMÉRICA CEARÁ CORITIBA CRICIÚMA DESPORTIVA FORTALEZA
GRÊMIO PARANÁ REMO SANTA CRUZ UNIÃO S JOÃO VITÓRIA

PRINCIPAIS ARTILHEIROS

Saulo (Paraná)

Arthurzinho (Vitória)

Luizinho Lemos (Americano) e Formiga (Remo)

Cláudio Adão (Ceará) e Marcos Severo (Londrina)

Flávio (América-MG), Mauro Soares (Desportiva), Adoílson (Paraná),
Claudinho (Ponte Preta), Arthur (Remo) e Marcelinho (Santa Cruz)

Soares (Criciúma), Hélio e Mazinho Loyola (Fortaleza) e Alcindo (Grêmio)

Euller (América-MG), Roberto Michele (Campinense), Marcelo Brito (Desportiva),
Juninho e Wolnei Caio (Grêmio), Índio (Itaperuna), Charles (Noroeste),
Lamartine (Remo), Marcelo (Santa Cruz), Mathias (São José),
Joãozinho (Taguatinga), Dão e Édson Pezinho (Vitória)
 

REGULAMENTO

PRIMEIRA FASE
A Série B de 1992 teve a participação de 32 clubes, divididos em 4 grupos
com 8 equipes cada. Jogam dentro dos grupos em turno e returno.
Os 3 melhores de cada grupo se classificam para a Segunda Fase.
Esses 12 clubes classificados, garantiram vaga na Série A de 1994.
SEGUNDA FASE
São 12 equipes em 3 grupos de 4 clubes cada. Jogam dentro das chaves
em ida e volta. Os dois primeiros de cada grupo vão a terceira fase.
Classificaram-se também os dois melhores terceiros, independente de grupo.
TERCEIRA FASE
São 8 equipes em dois grupos de quatro clubes cada. Jogam dentro das chaves
em ida e volta. Os dois primeiros de cada grupo vão a fase final.
SEMI FINAL
Os quatro finalistas estão em 2 chaves de 2 clubes cada.
Jogos de ida e volta. Os vencedores vão à final.
FASE FINAL
Os finalistas jogam em partidas de ida e volta, para se conhecer o campeão.
REBAIXAMENTO
Os dois clubes piores colocados na classificação geral do campeonato
seriam rebaixados para disputar a Série C em 1993, mas não foi o que
aconteceu, já que em 1993 não houve edições da Série B e Série C.
CRITÉRIOS DE DESEMPATE
a) Maior nº de vitórias; b) Maior saldo de gols; c) Maior nº de gols pró;
d) Confronto direto (apenas entre duas equipes); e) Sorteio.

.


PÁGINA INICIAL
PÁGINA INICIAL

Bola na Área © Copyright - Desde 2002