PÁGINA INICIAL

 

 

A TABELA DO CAMPEONATO

.
.
.
NÚMEROS DO
TORNEIO
24
PARTICIPANTES
282
JOGOS
712
GOLS
2,52
MÉDIA DE GOLS
2.910.805
TOTAL DE PÚBLICO
10.322
MÉDIA DE PÚBLICO
POR PARTIDA

 

.
.

OS MELHORES

ATAQUE
SANTOS
52 GOLS
DEFESA
PALMEIRAS
19 GOLS

.

.
.

OS PIORES

ATAQUE
UNIÃO SÃO JOÃO
18 GOLS
DEFESA
UNIÃO SÃO JOÃO
47 GOLS
.
.
.
MAIOR
GOLEADA
22.10.1995
Vasco Paysandu
6 1
São Januário
(Rio de Janeiro-RJ)

 

.
.
PARTICIPANTES
POR ESTADO
São Paulo Rio de Janeiro
SP RJ
8 4

Rio Grande do Sul

Bahia

RS

BA

3

2

Minas Gerais

Goiás

MG

GO

2

1
Pará Pernambuco
PA PE
1 1
Paraná Santa Catarina
PR SC
1 1

.

.
.
.
.
.
.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

.
.
.

CAMPEONATO BRASILEIRO

.

CAMPEONATO BRASILEIRO

1995
O CAMPEÃO
BOTAFOGO
Botafogo de Futebol e Regatas
Fundação: 12 de agosto de 1904
Avenida Wenceslau Brás, 72 - Rio de Janeiro (RJ)
CEP: 22290-140  -   Tel: (21) 2543-7272
Estádio: Engenhão (45.000 lugares)
Site: www.botafogonocoracao.com.br - Mascote: Manequinho
.
 

CLASSIFICAÇÃO FINAL

PARTICIPANTES PG J V E D GP GC SG

   Botafogo (RJ)

51 27 14 9 4 46 25 21

   Santos (SP)

50 27 15 5 7 52 40 12

   Cruzeiro (MG)

41 25 12 5 8 41 27 14

  Fluminense (RJ)

37 25 9 10 6 25 22  3

   Palmeiras (SP)

45 23 14 3 6 37 19 18

  Bragantino (SP)

40 23 11 7 5 35 26  9

  Atlético (MG)

37 23 10 7 6 32 27  5

  Goiás (GO)

35 23 10 5 8 32 23  9

  Internacional (RS)

35 23 9 8 6 29 22  7

  10º Portuguesa (SP)

35 23 9 8 6 28 28  0

  11º Juventude (RS)

35 23 8 11 4 25 21  4

  12º São Paulo (SP)

33 23 9 6 8 26 23  3

  13º Paraná (PR)

33 23 8 9 6 30 24  6

  14º Corinthians (SP)

31 23 9 4 10 32 33 -1

  15º Grêmio (RS)

31 23 9 4 10 26 32 -6

  16º Criciúma (SC)

27 23 6 9 8 20 20  0

  17º Bahia (BA)

26 23 7 5 11 22 40 -18

  18º Guarani (SP)

25 23 7 4 12 27 37 -10

  19º Sport (PE)

25 23 7 4 12 25 29 -4

  20º Vasco (RJ)

24 23 7 3 13 32 39 -7

  21º Flamengo (RJ)

24 23 5 9 9 23 32 -9

  22º Vitória (BA)

22 23 5 7 11 24 34 -10

  23º Paysandu (PA)

18 23 3 9 11 25 42 -17

  24º União São João (SP)

9 23 2 3 18 18 47 -29
. . . . . . . . .

CLUBES REBAIXADOS PARA A SÉRIE B
PAYSANDU UNIÃO SÃO JOÃO

PRINCIPAIS ARTILHEIROS

23 GOLS

Túlio (Botafogo)

17 GOLS

Giovanni (Santos)

14 GOLS

Marcelo Ramos (Cruzeiro)

12 GOLS

Paulinho McLaren (Cruzeiro)

11 GOLS

Kelly (Bragantino), Marcelo (Sport) e Valdir (Vasco)

10 GOLS

Renaldo (Atlético-MG), Magrão (Goiás),
Jardel (Grêmio) e Edílson (Palmeiras)

9 GOLS

Adalberto (Bragantino), Sandoval (Goiás) e Tiba (Portuguesa)

8 GOLS

Serginho (Corinthians), Romário (Flamengo), Luizão (Guarani),
Leandro Machado (Internacional), Müller (Palmeiras),
Jamelli (Santos) e Paulinho Kobayashi (Vitória)

7 GOLS

Raudinei (Bahia), Rivaldo (Palmeiras) e Camanducaia (Santos)

6 GOLS

Donizete (Botafogo), Djalminha (Guarani), Andrei (Juventude),
Almir e Caio (São Paulo) e Leonardo (Vasco)

5 GOLS

Ézio (Atlético-MG), Cilinho (Bahia), Marcelinho Carioca (Corinthians),
Valdeir (Fluminense), Paulo Nunes (Grêmio), Claudinho (Paraná),
Flávio Guarujá (Portuguesa) e Israel (União São João)
 

CURIOSIDADES

BOTA EMOÇÃO NA FINAL !!!
A nostalgia rondou o Pacaembu. Botafogo e Santos, protagonistas
de grandes clássicos nos anos 60, fizeram uma final de arrepiar,
toda em preto e branco. Deu Fogão, do artilheiro Túlio Maravilha.
QUANDO O JUIZ DECIDE UM CAMPEONATO
O Fogão conquistou o título nacional pela primeira vez, com todos os
méritos para Túlio e Cia. Mas parte das atenções ficaram para o
árbitro mineiro Márcio Rezende de Freitas, que, com seus erros,
conseguiu decidir o campeonato de 1995. Confira as mancadas:
Aos 24 minutos do 1º tempo, valida o gol de Túlio, que, 82 cm
à frente da linha de defesa, marca o gol em impedimento.
Logo a 1 minuto do 2º tempo valida o gol de Marcelo Passos,
empatando o jogo, após o lateral Marquinhos Capixaba ajeitar a
bola com a mão depois de uma dividida com o zagueiro Gonçalves.
Aos 34 minutos do 2º tempo anula o único gol legítimo do jogo,
após Camanducaia, partindo de trás da zaga botafoguense,
cabecear para marcar. Aquele gol legal daria o título ao Santos.
OS CAMPEÕES

Em pé: Wilson Gottardo, Grotto, Gonçalves, Carlão, Jamir,

Wágner e Donizete; Agachados: Túlio, Narcizio, André Silva,

Moisés, Leandro, Iranildo, Wilson Goiano e Sérgio Manoel

.


REGULAMENTO

PRIMEIRA FASE
Os 24 clubes estão divididos em dois grupos de doze.
No primeiro turno os clubes jogam dentro dos próprios
grupos. No segundo turno, jogam contra as equipes do
outro grupo. O campeão de cada chave, em cada um dos
turnos se classifica para a semifinal. Caso um mesmo
vença os dois turno de seu grupo, o segundo classificado
será a equipe que tiver mais pontos na soma dos 2 turnos.
SEMI FINAL
Os quatro classificados da primeira fase serão
divididos em dois grupos. Nesta fase, os clubes se
enfrentam em dois jogos, ida e volta. A vantagem
sempre será do melhor clube pelo índice técnico geral.
FINAL
Os dois vencedores da semifinal se enfrentam
em duas partidas. Quem tiver mais pontos durante
todo o campeonato, tem a vantagem de dois
empates e o mando de campo da segunda partida. 
OBSERVAÇÃO
A partir desta edição, as vitórias contam 3 pontos ganhos.
CRITÉRIOS DE DESEMPATE
1- Maior número de vitórias;  2- Melhor saldo de gols;
3- Maior nº de gols pró;  4- Gol "average" (média de gols);
5- Confronto direto;  6- Sorteio.
REBAIXAMENTO
Os dois últimos colocados na classificação geral,
independente de grupo, foram rebaixados para a Série B.
   
    .
BRASILEIRÃO - SÉRIE B PÁGINA INICIAL BRASILEIRÃO - SÉRIE C
SEGUNDA DIVISÃO PÁGINA INICIAL TERCEIRA DIVISÃO

Bola na Área © Copyright - Desde 2002